sábado, 12 de março de 2011

“Não importa quanto tempo já se passou: eu sou a mesma, o amor é o mesmo, e a esperança.”
(Lya Luft)

2 comentários:

  1. Oi Nana...

    Eu acho isso uma grande verdade!

    bjo!


    Zil

    ResponderExcluir
  2. a esperança é cada dia maior...

    bom fim de semana

    ResponderExcluir

Vou amar ler seu comentário....